banner temporário
Araxá

Araxá não tem casos confirmados de Zika e Chikungunya em 2020

Nos casos suspeitos de dengue, zika e chikungunha os exames são enviados para o laboratório da Funed em Uberaba ou Belo Horizonte

28/02/2020 06h00
Por: Redação
13
Manter caixas d'água tampadas e limpas, entre outras ações, podem eliminar o mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya
Manter caixas d'água tampadas e limpas, entre outras ações, podem eliminar o mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya

A Prefeitura de Araxá, através da Secretaria Municipal de Saúde, alerta a população para a necessidade de manter o foco ao combate do mosquito Aedes Aegypti, principalmente neste período de chuvas intensas. Araxá não registrou nenhum caso de zika e chikungunya nestes primeiros dias de 2020, porém já foram confirmados 11 casos positivos de dengue.

Segundo levantamento feito no último dia, 19, em relação a zika há apenas duas notificações aguardando resultado de exames e uma notificação de zhikungunya. No caso de dengue, além dos 11 casos positivos, outras 29 notificações aguardando resultados dos exames. 

A Secretaria de Saúde informa que nos casos suspeitos de dengue, zika e chikungunha os exames são enviados para o laboratório da Funed em Uberaba ou Belo Horizonte. Ações simples como manter caixas d'água tampadas, limpar sempre as calhas, deixar garrafas viradas com a boca para baixo, manter as lixeiras bem tampadas, deixar ralos limpos e com tela, limpar com frequência vasilhas de água de cão e gatos e preencher pratos de vasos de plantas com areia; podem eliminar o mosquito transmissor destas doenças.

Ele1 - Criar site de notícias